terça-feira, 2 de agosto de 2011

A influência das cores!

 Bom dia!    





A influência das cores...


Sempre acreditei piamente no poder que as cores exercem sobre a nossa vida,na nossa casa,e até no nosso humor.Vermelho e laranja costumam me  deixar irritada com mais facilidade,percebi isso porque já tive uma parede laranja na sala e nunca conseguia ficar muito tempo lá!E roupa vermelha então...faz subir até a minha pressão!!!
Por isso eu digo que agora quero uma casa toda branca, ou então com as cores  bem "desmaiadas",tipo bege,marfim,palha ,e mais vibrantes só nos acessórios.
Tenho essa matéria numa revista chamada Bons Fluidos e resolvi compartilhar.
Vejam só:


                                                                                                                                                                                                     
Na sala de estar, o amarelo estimula a comunicação, a conversa. O bege ou marfim trazem aconchego e impressão de boas vindas. Já o verde revigora o estado físico da pessoa. O azul ajuda a baixar os níveis de ansiedade, mas deve ser evitado por pessoas melancólicas ou com tendência à depressão.


Na sala de jantar, o amarelo estimula a conversa e o apetite. Já quem precisa fazer dieta pode usar o verde, pois ele não permite que se passe muito tempo em um ambiente desta cor, ao contrário do bege ou marfim, que simbolizam a receptividade e a cordialidade e por isso são tons mais acolhedores.


Nos quartos, o cor-de-rosa estimula o carinho, afeição. O lilás é ideal para quem precisa de tranqüilidade e relaxamento. O azul proporciona sensação de paz enquanto o verde ajuda a restabelecer energias. Para o quarto de casal, o amarelo não é a cor mais indicada porque pode instigar discussões. 


No escritório ou local de trabalho, o azul intensifica a concentração, o verde representa o crescimento profissional e o marrom, bege e o marfim são cores de estabilidade e segurança.


O que cada cor significa


Confira  as melhores opções de cores para cada tipo de ambiente de acordo com o feng
 shui e a cromoterapia:

 Branco: É uma cor neutra que pode potencializa as demais cores, além de representar a luz divina. Demonstra pureza e faz com que o espaço pareça maior. O branco, é claro, pode ser utilizado em toda a casa, mas com uma ressalva: como esta cor reflete luz (ao invés de absorver) ela provoca um ricocheteamento de energia. Este efeito pode ser equilibrado se a decoração contar com quadros com cores fortes e brilhantes.

desire to inspire
 Verde: Ligada ao elemento madeira, representa o crescimento, desenvolvimento, natureza e saúde. Nos tons escuros pode representar a inveja. É uma cor neutra, que pode ser utilizada em todos os ambientes da casa. Segundo a cromoterapia, traz força equilibrada, acalma o sistema nervoso e os sentidos. Também significa esperança e satisfação.




 Azul: Cor calmante e que traz tranquilidade, está relacionada ao elemento água. Sua vibração favorece o raciocínio e a intuição e, nos tons mais escuros, a elegância. Remete à natureza (céu e mar). Quando usada em excesso, pode provocar sono, introspecção e isolamento. Na cromoterapia é uma cor desestressante, que transmite calma e serenidade.





Lilás: Oferece tranqüilidade, sossego e estimula a espiritualidade, misticismo e intuição. Combinação de azul e vermelho, representa um mix de criatividade e intelecto. Pode ser aplicado em locais de meditação e oração. Na cromoterapia tem efeito purificador, transformando as energias negativas em positivas.





 

Laranja: Situada entre o elemento fogo e o elemento terra, estimula os sentidos, a criatividade e a comunicação. Representa vigor, prosperidade, fartura e expansão. Em demasia, pode provocar rebeldia. Já na cromoterapia, auxilia a mente e assimila novas idéias. Com propriedades semelhantes ao vermelho, é uma cor que representa sucesso, mas como também é uma cor chamativa e intensa não é indicada para quartos. 



.

             


 Vermelho: Ligada ao elemento fogo, está relacionada à vida e à força. Estimula as áreas de relacionamento afetivo, conquista, sensualidade, auto-estima e prosperidade. O vermelho é símbolo do sucesso, mas também é a cor da raiva, agressividade. Portanto é necessário critério ao utilizá-lo. Assim como o laranja, deve ser usado com cuidado, por ser uma cor estimulante que pode causar agitação nas pessoas. Não é uma cor aconselhável para dormitórios. Segundo a cromoterapia, é indicado para pessoas tímidas e retraídas. Revigora a coragem e a força de vontade.
             





 Amarelo: Relacionada ao elemento terra, é a cor da luz. Representa a luz do sol e o brilho do ouro, perfeição, glória e poder. A claridade, sua principal característica, é alegre e excitante. Melhora a concentração, estimula a comunicação, atividades mentais e abre o apetite. Segundo a cromoterapia, é uma cor animadora, inspiradora e que estimula o raciocínio, atuando diretamente sobre o mental.





 Preto: Cor ideal para misturar com outras idéias. Dá um toque de sofisticação ao ambiente. O preto é a cor da introspecção. É aconselhável utilizá-lo em mobília pequena, enfeites, quadros, mas deve-se evitar pintar todas as paredes de um ambiente com preto porque a cor pode provocar a sensação de medo e insegurança. 




Uma terça-feira bem  colorida para você!!!
Beijo!



3 comentários:

  1. Interessante essa dica das cores. Acho que acertei nas cores do meu quarto, mas acho que preciso tirar urgentemente o amarelo da minha sala de jantar, não preciso mais de estímulos para o meu apretite rsrsr. Bjs!!

    ResponderExcluir
  2. Que legais as ideias, Márcia. Estou numa fase branca agora também, mas já tive parede verde maçã, rosa, listrada,turquesa, nos outros lugares que morei.Bjs

    ResponderExcluir
  3. Ótimo!!
    Verdadeira aula sobre a psicodinâmica das cores, parabéns.
    bjs
    Iranilde

    ResponderExcluir