sábado, 22 de fevereiro de 2014

Presentes(senta que lá vem história)!

Se tem uma coisa que eu gosto é de presntes,adoro dar ,mas receber também é bom,né?
Ainda mais quando chegam de surpresa.
As amadas Lia e Vi (do Tacho da Pepa) são experts em  me fazer cair das pernas.
Vejam o que me mandaram:










Adorei,chorei,me descabelei[não muito porque já sou descabelada por natureza],e elas estão famosas por aqui e íntimas da família,tanto que marido e filhos comentam:
-Só pode ser da Pepa,tenho certeza!
Até a minha pretinha Maria Eduarda ganhou presente:
Ficou radiante ,feliz mesmo e disse com a maior intimidade:
-Ô tia,cê fala pra Pepa que eu adorei?
Eu disse:
-Falar como,você nem conhece ela...
-Claro que eu conheço...
-De onde?
-Uai,do seu computador!



Algumas amigas minhas sempre querem notícias delas,acreditam?Pois é !

Até a Leila(Fofuras de feltro),quem diria,me surpreendeu!
Fiz uma comprinha com ela há um tempo atrás e ela me mandou essas lindezas:







Sou fã incondicional dos sapatinhos e arteirices dela,já a tinha em alta conta...fofa demais também!
E ontem ganhei de uma amiga de trabalho,Josi,esse caminho de mesa...




lindão,adorei !


A Josi também me deixou de queixo caído,nunquinha que eu esperava por um presente" fora de época",e ela ainda me disse que pretendia me dar desde o ano passado...
 Ela é um doce de pessoa,mas se acha uma negação nas prendas(o caminho de mesa foi feito pela mãe dela),e eu disse que talvez ela seja adotada,pois a avó e a mãe são talentosíssimas nas artes!
Por essas e outras sou extremamente grata a Deus por conhecer pessoas tão generosas ,isso me faz crer que o mundo não está de todo perdido,tem muita gente boa nele!

Obrigada,meninas pelo carinho!





sábado, 15 de fevereiro de 2014

Tapete cupcake!


Sou pessoa boa e honesta,que paga as contas em dia(quando tenho dinheiro,claro)...

Tenho poucas contas, pouco dinheiro mas uns "zóios" do tamanho do mês de agosto[compriiiidos].

E então ,eu estava na fila aguardando para pagar mais uma continha básica ,e não sei como,enxerguei de longe esse jogo de tapetes para cozinha,espia:











Daí eu te pergunto :dava pra resistir?


Se  a cozinha não estivesse precisando com urgência de uns tapetinhos decentes e se a estampa não fosse essa eu até resistiria,mas não deu!



Quer também?

Corre lá...

Na  Pernambucanas!


nem preciso dizer que não ganho nada para citar a loja...adoraria,mas não! 

ou melhor,ganhei sim...mais um carnê para pagar!!!







sábado, 8 de fevereiro de 2014

Cabeceira finalizada!

Começar  foi difícil,fazer foi "demoroso",mas terminar foi facilinho!













Com a sobra do tecido fiz uma almofada(lisa)
















Mas o que me deixou satisfeita foi fazer as contas e ver o quanto economizei.

Uma cabeceira de altura normal custa em torno de R$ 450,00,mas como fiz com 1 metro de altura,pesquisando preços não encontrei nada abaixo de R$ 1.000,00.

E  meus gastos foram:
-R$  84,00 (tecido e espuma)
-R$    4,00(linha de pesca)
-R$    6,00(cola)
-R$    1,00(percevejos)


total=R$ 95,00

também encontrei almofadas e fronhas com um preço super camarada:






A almofada mais cara custou R$  7,90.


Enfim,posso afirmar que apesar dos perrengues[ dedos furados, cansaço ,calor],valeu demais a pena,gostei bastante do resultado final.



E tenho finalmente uma cabeceira em capitonê para chamar de minha...


e no melhor estilo "handmade" que consegui fazer...







sábado, 1 de fevereiro de 2014

Cabeceira em capitonê:senta que lá vem história!


Eu precisava de uma ,e como vivo com uma aranha num bolso e um escorpião no outro decidi que teria uma e do modo mais econômico possível!

Esperançosa que sou fui conversar com um homem que eu tinha certeza que dava conta do recado...espia a prosa que tivemos:

-Pois não!
-Bom dia,moço,eu preciso de uma cabeceira ,você faz?
-Faço,de que tamanho?
-A cama  tem 1,58 de largura,então acho que 1,80 deve ficar bom...
-Fica uns 900 reais.
-Tá louco,moço,é uma cabeceira simples,não precisa ser de ouro não!
-É a cabeceira simples mesmo!
-Mas você nem perguntou o modelo que eu quero,já vai dando o preço,como é que é isso?
-Não tem segredo numa cabeceira,é só a madeira e pronto!
-É de madeira...deira  mesmo?
-É mdf...
-Cê tá é doido,varrido e encerado,vê se eu posso com uma miséria dessas ...eu quero uma cabeceira em capitonê,moço!
-Aí não dá...
-Claro que não,se a de mdf  fica  em 900 reais,quanto é que você vai querer nessa?
-Não quero nada!
-Ôba,então faz .Demora quanto tempo?
-Não vou fazer...
-Coooomo que não?
-Não vou,não faço.
-Moço,larga de ser ruim,não faz por quê?
-Não sei fazer...
-Claro que sabe,é fácil!
-Eu não sei fazer!
-Você  TEM que saber...é o seu trabalho,não é?
-Esse tipo de serviço quem faz é tapeceiro...
-E você é O QUÊ?
-Sou marceneiro!
-Ah,tá!Obrigada,viu moço,passar bem!


 Saí de lá mais pra baixo do que barriga de minhoca...a coragem que eu tinha disse adeus e foi-se embora.


Procurei um tapeceiro(filho de uma égua)que pensava que tava podendo,me disse com uma cara de quem cagou e sentou em cima:
-Não mexo com "isso",só trabalho com banco de carro...
E eu sou tão boa que pensei:
-Ah é?Continua simpático assim que logo,logo  você vai estar trabalhando  no banco da praça,seu palhaço,jogando milho pros pombos,vai ver só...


Convencida de que eu só poderia contar comigo mesma,decidi encarar a missão e fazer com as minhas próprias mãos!


Tive a sorte de achar essa peça numa caçamba...




Então,depois de limpar bem fiz o risco no verso dela ,colei a espuma, e espetando um palito grande no furo de trás pude marcar a espuma.












Depois coloquei o tecido e fui costurando os botões um a um...




Será que fica pronta para o próximo post?

Vamos ver,aguarde!





fotos 3 e 4  são do google